• Redação Obra Prima

Sob o sol de Trancoso

Atualizado: 29 de abr.

"Studio MK27

áreas de estar sob telhado gigante de casa de praia brasileira": assim, a publicação londrina online de arquitetura, interiores e design mais influente do mundo, a Dezeen, apresentou o recente projeto finalizado do arquiteto Marcio Kogan e equipe, no Sul da Bahia. Texto de James Brilon, fotos de Fernando Guerra.



O Studio MK27 projetou uma villa brasileira à beira-mar com amplas aberturas para enquadrar as vistas da paisagem circundante "como uma câmera grande angular".


A Casa Vista está localizada em Trancoso, uma tranquila cidade litorânea na província brasileira da Bahia. O Studio MK27, liderado pelo arquiteto e cineasta Marcio Kogan, completou a casa de 8.343 pés, no início de 2020.


O Studio MK27 projetou a Vista House com um envelope menor aninhado sob um longo telhado de duas águas


A residência fica no topo de um penhasco de 46 metros de altura acima das escarpas marítimas de Trancoso, que são "esculpidas pela ação lenta e constante das águas baianas", segundo o escritório.


A posição e a vista do oceano influenciaram fortemente o projeto, assim como a paleta de materiais do ambiente tropical.


Em uma extremidade do longo envelope está a cozinha


“Do ponto de vista de um pássaro, o volume alongado visa enquadrar a paisagem como uma câmera grande angular”, disse o Studio MK27.


A casa é composta por um telhado de duas águas com cerca de 15 metros de largura, 3,5 metros de altura e 60 metros de comprimento.


As áreas de estar da Vista House são deixadas abertas ao meio ambiente


Este vão impressionante é fechado apenas em cada extremidade, onde a MK27 colocou a cozinha e o quarto principal, respectivamente. A parte externa da estrutura é envolta em aduelas de eucalipto, enquanto o telhado é revestido com telhas de madeira esculpidas à mão.


O restante da casa é concebido como um espaço interno-externo.


A casa enquadra a vista do mar como uma câmera grande angular


“Suas proporções horizontais são delineadas pela extrusão de uma seção elementar da cabana, que gera um telhado de madeira de 60 metros de comprimento”, explicou o Studio MK27.


“Fincada por volumes fechados em suas bordas, que contém a suíte master e a cozinha, a casa se abre para as cores do entorno através de um imenso vão com ampla tela e vista para o azul infinito”, acrescentam os arquitetos.


As áreas de estar podem ser fechadas com telas que se estendem do teto


Além do quarto principal, a casa tem quatro quartos adicionais contidos em um volume menor que é inserido nas paredes externas.


O material usado para construir este envelope interior é conhecido como Viroc, que os arquitetos explicam ser um painel composto de madeira e cimento.


"Sob o telhado, uma varanda ao ar livre permeia o vão, conectando os jardins de ambos os lados e cercando uma caixa branca inferior", disse o Studio MK27. "Independentemente da estrutura principal, o interior desta casa pode abrir-se completamente, pois os painéis Viroc funcionam como biombos."


O envelope interior pode ser fechado


Os arquitetos escolheram uma paleta restrita de tons cremosos e madeira para as paredes e móveis internos.

Estes interiores polidos contrastam com a aparência mais suave e orgânica do exterior.


A equipe também considerou cuidadosamente a interação entre a forte luz solar do Brasil e os materiais.


O uso do Viroc perfurado e das seções finas de eucalipto cria padrões de sombra interessantes em toda a casa, e o amplo telhado suspenso garante que os moradores possam desfrutar do ar livre em qualquer condição climática.


O quarto principal fica do outro lado da casa


"As vistas externas mergulham nos espaços interiores através de texturas com alma que refratam e refletem a luz, criando uma dança de luz e sombras em cada superfície, especialmente através das ripas de biriba e das paredes perfuradas Viroc", disse Studio MK27.



Créditos do projeto:

Arquitetura: Studio MK27 (Marcio Kogan, Samanta Cafardo, Beatriz Meyer) Projeto de interiores: Diana Radomysler, Pedro Ribeiro Equipe do projeto: Carlos Costa, Giovanni Meirelles, Mariana Simas, Oswaldo Pessano Paisagista: Isabel Duprat Engenheiro estrutural: Inner Engenharia Elétrica e hidráulica: Zamaro Consultor acústico: Harmonia Acústica Gerenciamento de projetos: SC Consult, Sergio Costa Automação: GF Consultoria Construtora: Kross Engenharia

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo